Área de atuação

Gestão Ambiental

Promovendo Sustentabilidade

Sustentabilidade pode ser definida como a capacidade de o ser humano interagir com o mundo, preservando o meio ambiente para não comprometer os recursos naturais das gerações futuras. O conceito de sustentabilidade é complexo, pois atende a um conjunto de variáveis interdependentes, mas podemos dizer que deve ter a capacidade de integrar as questões sociais, energéticas, econômicas e ambientais.

Matérias indissociáveis à questão da sustentabilidade:
- Tecnologias sustentáveis para ação social e socioambiental;
- Licenciamento ambiental e análises ambientais estratégicas
- Urbanismo e arquitetura sustentáveis
- Agroecologia, agricultura orgânica e redes de comercialização solidárias
- Manejo florestal sustentável
- Recuperação e remediação de áreas degradadas e contaminadas
- Gestão de resíduos sólidos
- Gestão de recursos hídricos
- Unidades de conservação – planejamento, gestão e inclusão social
- Valorização e preservação cultural – povos e comunidades tradicionais e singulares
- Extensão rural e ambiental
- Planejamento e implementação da gestão participativa de microbacias hidrográficas.

Gerenciamento de projetos e contratos:
- Gerenciamento organizacional, financeiro e administrativo. 
- Desenvolvimento de sistemas de monitoramento e de indicadores de desempenho. 
- Planejamento estratégico e executivo. 
- Definição e implementação de Compliance. 
- Gestão de contratos. 
- Conformidade jurídica. 
- Licitações e compras. 
- Auditorias e controle.
- Gestão de almoxarifado e entrega de bens.

Estudo de Caso

Análise estratégica de Políticas Interinstitucionais

O Plano de Prevenção e Controle do Desmatamento Ilegal e Fomento a Atividades Sustentáveis do Estado do Pará (PPCAD/PA) é concebido com base no seguinte fundamento:
“Estabelecer uma agenda integrada entre Estado, Sociedade Civil Organizada e Setor Empresarial, aliando ações já desenhadas e planificadas em diferentes entidades, bem como identificando oportunidades para novas ações.” Ou seja, o PPCAD/PA se pauta, não pela invenção ou criação, mas sim pela articulação de políticas, planos, programas e projetos existentes, ou projetados, por diferentes instâncias do governo e da sociedade. Logicamente, não deve ser desconsiderado o fato de que arranjos e propostas executivas interorganizacionais tendem, naturalmente, a favorecer repactuações, redimensionamentos, e reformulações de programas e políticas, por restar evidente que resultados eficientes, eficazes e duradouros, muitas vezes só podem ser alcançados quando fundamentados em sinergia e integração de ações. 

Um olhar sobre as dimensões político-estratégica e tático operacional de programas e políticas públicas, afetas à questão do controle do desmatamento e do desenvolvimento sustentável, atualmente em voga no Estado do Pará, permite o posicionamento do PPCAD/PA dentro de uma conformação lógica com função de tessitura de uma rede (sistêmica) de ações em andamento ou projetadas por diferentes órgãos e entidades.”